Existem vulcões no Brasil?

10.17.2020  @DigaoPessoa

Muitos pensam que não existem vulcões no Brasil. Até certo ponto isso pode ser considerado verdade, desde que a afirmação se restrinja a “não existem vulcões ativos no Brasil”.

Vulcões no Brasil

Hoje, vemos vulcões em atividade principalmente ao longo do encontro das placas continentais, mas nem sempre foi assim: segundo as principais teorias estudadas atualmente sobre a formação da superfície da Terra, em um determinado momento, o mundo inteiro, inclusive o Brasil, era composto por inúmeros vulcões e fissuras das quais jorravam rios de lavas.

Inclusive, na verdade, muitos cientistas apontam a existência de pelo menos dois vulcões históricos no Brasil.

Vejamos, então, algumas informações sobre eles e algumas teorias que mostram que o território brasileiro chegou a ter rio de lava e cordilheira com cadeia de vulcões.

Vulcão em Nova Iguaçu — Um vulcão no Rio de Janeiro

Em Nova Iguaçu, no estado do Rio de Janeiro, geólogos já encontraram evidências da existência de um antigo vulcão em inatividade. Mas, segundo informam os pesquisadores, os moradores não precisam se preocupar, pois além do longo período de inatividade vulcânica, nada aponta para sinais de que o antigo vulcão possa vir a entrar em atividade.

Vulcão na Amazônia — O vulcão mais antigo do planeta?

Segundo alguns pesquisadores, e algumas matérias que vêm sendo divulgadas, na região da Amazônia brasileira, localizado entre os rios Jamanxin e Tapajós, foi descoberto pelos cientistas o vulcão mais antigo do mundo! Segundo relatam tais cientistas o vulcão teria cerca de 1,9 bilhões de anos e ficaria em uma área de rochas vulcânicas chamada de Uatumã. E teria tido até 400 metros de altura! Contudo, tais estudos também apontam que esse enorme vulcão “ancestral” não apresenta quaisquer sinais que voltará a entrar em atividade.

Formações vulcânicas e a origem de Fernando de Noronha

Existem diversos trechos da superfície terrestre brasileira que, segundo os geólogos, foram formadas por atividade vulcânica.

Uma dessas regiões é o arquipélago de Fernando de Noronha que teria sido formado a partir de atividade de diversos vulcões há mais de 4km de profundidade. O choque da lava com a água do oceano teria dado origem as diversas ilhas do arquipélago.

Uma fissura vulcânica que dividia o Brasil ao meio!

Há informação também referente a um “fenômeno cataclísmico” que ocorria há milhões de anos atrás, quando placas tectônicas se moviam em direções opostas e dividiam o local que seria o território do Brasil em duas partes.

A fissura atravessava o Mato Grosso, Paraná, Santa Catarina e ia até o Uruguai. A lava que transbordou por essa fissura teria coberto uma área de mais de 1 milhão de quilômetros quadrados.

Vulcões por toda a parte no Brasil?

Existem ainda apontamentos que indicam a presença de vulcões que teriam existido em Pernambuco e em Minas Gerais. Os vulcões mineiros estariam em uma cordilheira banhada pelas águas do mar em um golfo estreito e comporiam parte de uma grande cadeia de vulcões ativos que se estendiam da região de Teófilo Otoni chegando até o Paraná.

Comentários

Postar um comentário